24 a 27

AGO

Nampula prepara-se para FACIM 2015


Pelo admin
 

A províncias de Nampula está a preparar-se afincadamente para a sua participação na 51ª Edição da Feira Internacional de Mapyto-FACIM2015 com a realização da Feira económica local.

Falando na abertura da campanha de comercialização agrícola e da VIª Edição da Feira Económica de Nampula, Victor Borges, Governador desta província, disse que esta visa a preparação da Província de Nampula para a sua melhor participação na FACIM 2015, que terá lugar entre os dias 31 de Julho a 06 de Agosto em Marracuene, Província de Maputo. “Acreditamos que as empresas aqui presentes são uma aposta certa no âmbito do desenvolvimento de Nampula, Província que tem vindo a dar exemplo de ter um potencial ao nível do sector produtivo”, disse.

Além disso, identificar janelas de oportunidades de negócio e de investimento e espera analisar o estágio do desenvolvimento empresarial e económico dos países membros, nos diversos níveis.

Victor Borges disse que um dos objectivos do governo de Moçambique é promover a produção e produtividade, bem como a comercialização, como forma de estimular o processo produtivo e comercial nacional. Borges disse que, a presente actividade, enquadra-se na estratégia do governo de Moçambique, em particular da Província de Nampula no âmbito do pilar de crescimento económico e do plano estratégico Nampula 2020, que é um instrumento orientador e de gestão do processo de desenvolvimento deste ponto do país. O Governador de Nampula acrescentou que a comercialização agrícola tem em vista despertar aos produtores e aos agentes económicos sobre a necessidade de pôr no mercado os produtos provenientes da actividade agrícola, em momento oportuno. “Quero realçar que o processo de comercialização agrícola desempenha um papel extremamente importante na economia nacional, pois constitui grande fonte geradora de rendimento da população rural e se resume na ligação entre a zona rural e urbana”.

Lembrou que a Província de Nampula, na campanha agrícola 2013/2015, de entre vários produtos comercializou 732.045 mil toneladas de cereais e oleaginosas contra 602.635 mil toneladas da campanha anterior o que representa uma subida em 18%, e para a presente campanha foram planificadas a produção de 1.951.549 e prevê-se a comercializar 1.581.8589 toneladas. Para garantir o armazenamento da produção de cereais, o Governo de Moçambique tem vindo a potenciar a Província de Nampula com a construção de silos, sendo numa primeira fase no distrito de Malema, que tem a capacidade de 3.000 toneladas de armazenamento, e edificado o armazém com a capacidade de 5.000 toneladas de armazenamento. (IPEXinfo)


Leave a Comment
 

53 anos de história,
FACIM 2017.

 

Selecione o idioma/ Select the language

Idiomas/ Languages